Páginas

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Como andam as promessas de 2012?

Oi gente!
Bom, esses dias eu estava pensando em todas as promessas que eu disse que faria em 2012 e que as cumpriria até o final do ano. Foram muitas. Foram muitos desejos, muitas vontades, muita coisa que eu gostaria que mudasse e muita coisa que eu gostaria que mudasse em mim. É sempre assim, não é? Sempre achamos que em 365 dias dará tempo de cumprir tudo o que queríamos fazer e que teríamos paciência e a dedicação necessária para riscar cada item da lista mental ou no papel mesmo, de promessas. Pois é, mas isso falha, pelo menos pra mim.  E aposto, que isso aconteceu já com você. Aposto não, tenho até uma quase certeza.
Alguns itens podem ser riscados da minha lista, por exemplo, em conhecer gente nova, em fazer uma mudança no visual, em se dedicar mais, em ser melhor em um aspecto x, mas eu também escrevi que eu estaria com alguém, que eu seria mais calma, que eu teria mais coragem (seria mais fearless, como diz a Taylor Swift) , que eu não precisaria de muito para alcançar aquela tal felicidade, que eu seria mais leve, etc. etc. etc. A questão é, não dá. Não é possível fazer uma lista com um limite de tempo, e sejamos honestas, 1 ano é muito pouco! Passa rápido e a gente nem se dá conta. Sério, já parou pra pensar em como esse ano voou e já estamos quase na reta final de 2012? É chocante! O tempo passou, o tempo está terminando e essas promessas só aumentam e pedem mais tempo.
Enfim, penso que começarei a fazer essas promessas de ano em ano com uma urgência: As promessas serão cumpridas e irão se realizar, porém elas serão realizadas em um período maior do que apenas 365  dias. Não importa se elas levarem 1 mês ou 15 anos (acontece, né?). Pensa que talvez elas não se realizaram porque muita coisa ainda precisa acontecer, você precisa se dedicar, ou até amadurecer, crescer, cair, e essas coisas clichês e irritantes que sempre estão certas no final ou na maioria das vezes.
O texto todo é bem clichê, realmente. Mas só agora que eu me dei conta de uma coisa tão obvia que é: essas coisas levam tempo. Tudo leva tempo. É complicado.
Mesmo assim, não dá para ficar insatisfeita com algumas das coisas que já foram cumpridas. É um começo! Com força de vontade e uma precisa força interna riscaremos bastante itens dessa tal lista. Com ajuda ou sem ajuda, com amigos, com músicas, frases inspiradoras, sei lá. Minha lista de 2013 vai ter um pouquinho de todas as listas que eu fiz desde meus 12 anos e pouquinhos até o ano 2000 e x.


É isso. Ah, mas calma, já estou planejando os itens da lista de 2013!