Páginas

domingo, 8 de setembro de 2013

Resenha: Percy Jackson e o Mar de Monstros

Oi, gente!
Na sexta-feira, dia 6 de setembro, fui ao cinema assistir Percy Jackson e o Mar de Monstros. Sou super fã dos livros e do Rick Riordan, mas confesso que achei que o primeiro filme lançado do Percy Jackson deixou muuuito a desejar porque mudaram algumas informações essenciais e os personagens não pareciam quase nada com os do livro. Mesmo assim, assisti a continuação, e eis o que achei:

Percy Jackson e o Mar de Monstros

A história do filme de uma maneira bem superficial é:
Percy Jackson (Logan Lerman) e seus amigos, Annabeth (Alexandra Daddario) e Grover (Brandon T. Jackson) vivem no Acampamento Meio-Sangue, voltado para filhos de deuses. O local é protegido por uma árvore mágica, até ser envenenada por Luke  ex-campista do acampamento e filho de Hermes), que o enfraquece ao enviar monstros para o ataque. Com o local em perigo, Percy Jackson e seus amigos precisam achar o velocino de ouro, um objeto místico que pode revitalizar a árvore. Porém, nenhum deles esperavam que mais campistas se juntaram para o "lado mal" com Luke para trazer à vida o poderoso Cronos, derrotado por Zeus, Poseidon e Hades há milênios atrás e pais dos mesmos, até agora. 
Ok, o filme é bem legal, porém não tem muito a ver com o livro novamente. Há muitas partes super incríveis do livro que não foram incluídas no filme. Pelo menos nesse, os personagens se parecem mais com os que o autor descreveu, então, menos mal! Achei que até o meio do filme, tudo seguia bem parecido com o livro, depois, tudo começou a ficar muito rápido e perderam seu sentido, como, por exemplo as lutas e as cenas da ida ao Mar de Monstros. O desfecho ficou meio blé na minha opinião, mas o ponto alto é o Logan Lerman sendo Logan Lerman! Eu acho.
Mas mesmo assim, eu gostei do filme, mas penso que eu teria gostado ainda mais se eu não tivesse lido a série porque as histórias ao serem comparadas acabam sendo meio (completamente) diferentes.
Estrelas½